Homem arrepende de ser racista, pede perdão e doa dinheiro para igreja negra

O homem de descreve como um ex "terrível racista", diz que foi transformado por Jesus através da Igreja Presbiteriana composta por negros.

Uma igreja com membros predominantemente afro-americanos recebeu uma grande doação de um doador anônimo que confessou ser um “racista terrível” no passado, mas que tinha sido “purificado” de seus pecados por Jesus Cristo.

Em maio, a Igreja Presbiteriana Nicholtown em Greenville, Carolina do Sul recebeu uma carta anônima junto com uma doação de $2.000.

“Primeiro, eu sou branco e costumava ser um racista terrível”, está escrito na carta, de acordo com Fox Carolina. “Graças a Jesus e ao Espírito Santo que atuam através da Igreja Presbiteriana, fui purificado disso”.

A cara continuou: “Estou consternado com meus pensamentos e palavras anteriores. Eu envio essa doação como uma sincera desculpa para a comunidade afro-americana”.

O homem, diz ainda: “Se você procurava a prova de que Jesus e o Espírito Santo estão vivos e bem hoje, e isso Milagres, assim como nos tempos bíblicos, ainda acontecem hoje, é isso! “

Ele acrescentou: “Além de Jesus e do Espírito Santo, por intermédio da Igreja Presbiteriana, esta transformação nunca teria acontecido.”

O remetente instou a igreja a usar a doação “para qualquer propósito que você entender“.

O pastor Michael Sullivan – um pregador da igreja há apenas 15 meses – disse que a congregação da igreja está “agradavelmente surpreendida pelo gesto e a mensagem”.

“Ouvindo seu testemunho … em certo sentido, ele havia sido alterado de uma mentalidade particular”, disse ele a Fox.

O dinheiro não poderia ter chegado em um momento mais perfeito, disse uma congregação, que revelou que os fundos da igreja estavam esgotando, pois, a igreja estava no processo de solicitar uma doação de US $ 1.400 do Presbitério para que pudessem transportar crianças na igreja Domingos e ter um bom café da manhã.

É como um milagre“, disse Beverly Kelly, pastora da Igreja Presbiteriana Mattoon e moderadora da sessão da Igreja Presbiteriana Nicholtown, compartilhada com a Greenville News. “Essa missão tem sido de domingo a domingo, e sempre encontramos uma maneira de alimentá-los”.

Kelly disse que ela está incrivelmente agradecida pela transformação do doador: “Sabemos que, se essa pessoa realmente pediu a Deus para perdoá-los, sabemos que Deus ouviu essa confissão e realmente perdoa”, disse ela. “O perdão significa mais do que dizer que me desculpe. O perdão significa que ‘eu vou mudar, eu vou me virar e viver de forma diferente. Eu vou viver como Deus quer que eu viva’ “.

“Eu gostaria de conhecer e conversar com essa pessoa que teve essa incrível mudança, e agradece-la pessoalmente! ”

Portal Padom

Comente

Assine nossa Revista Online Gratuitamente: 

Email:

Nenhum spam garantido