mae e filho

COISAS QUE APRENDI COM A MORTE DE MINHA MÃE E HOJE TE ACONSELHO A FAZER O QUE APRENDI TARDE DEMAIS.

Não espere ela pedir, ofereça antes.. Não reclame, apenas abaixe a cabeça, pois ela sempre está com a razão. Pode até ser que não, mas… Você é inferior. Se ela diz que está, então você está. Não espere que ela se vá para todo o sempre para aceitar isso.. Não duvide. Vindo dela sempre será a mais pura verdade!. Não bata o pé! Bata palmas para tudo que for feito por ela..
Não rejeite a presença de sua mãe, pois nada nem ninguém irá compensar a ausência dela.. Não seja impaciente com os momentos depressivos dela, pois, você talvez seja a causa disso e, mesmo que não seja, tente ser, além de filho, amigo, e dê o que ela precisa; atenção, carinho, etc.. Nunca pense que os favores que são pedidos por ela têm como objetivo te fazer de escravo “só pelo fato dela ter te posto no mundo”. Você tem uma dívida com sua mãe no valor de R$ ser 1 bom filho. . Nunca rejeite os carinhos e os conselhos. Todos eles são dados para te fazer feliz e para te proteger, nem que para isso ela tenha que fazer o possível e o impossível,Vale frisar: Não faça como muitos que só aprenderam a dar valor depois que perderam. Não entre nesse time, é triste demais! Faça muito por ela e, quando se você perdê-la, verá que poderia fazer ainda mais.
Se você tem a sorte de ter sua mãe ao lado, desfrute desta sorte e não só diga que a ama como também demonstre, sempre, sempre, sempre!

por: Douglas Vieira

Portal Padom

Deixe seu comentário!