“A Europa está perdida”: diz rabino-chefe de Barcelona, exortando os judeus a se mudar para Israel

Meir Bar-Hen argumenta que a comunidade islâmica em Barcelona tem inclinações radicais e que as autoridades da cidade não reagem adequadamente ao problema.

Após o ataque terrorista desta semana em Barcelona, que deixou 13 mortos e mais de 100 feridos, o principal rabino da cidade alertou sobre os perigos que representa o islamismo radical na região. Meir Bar-Hen instou a comunidade judaica local a procurar melhores terras em Israel.

“Eu digo aos meus fiéis: ‘Não pense que devemos ficar aqui para sempre’, e eu os encorajo a comprar propriedades em Israel”, disse o rabino Bar-Hen em entrevista à agência de notícias judaica JTA.

“Não repitam o erro dos judeus argelinos e dos judeus venezuelanos. É melhor ir cedo antes que seja tarde demais”, é outro dos conselhos do religioso, que também sublinhou a presença de uma grande comunidade muçulmana com ‘corantes radicais’ na região.

“Este lugar está perdido… A Europa está perdida”, concluiu o rabino, alegando que as autoridades espanholas estão relutantes em enfrentar o terrorismo islâmico.

No entanto, a Federação das comunidades judaicas na Espanha parece não compartilhar a perspectiva pessimista de Bar-Hen. A organização confia em que “as forças de segurança do estado trabalham diariamente para impedir que fanáticos radicais e islâmicos semeiem caos e dor nas nossas cidades”, afirmou a federação em comunicado.

Portal Padom

Deixe a sua opinião!
VEJA TAMBÉM
Mulher doa réplica da Arca da Aliança para Israel

Assine nossa Revista Online Gratuitamente: 

Email:

Nenhum spam garantido