Jejum intermitente: A mania mais recente da saúde é, na verdade, uma antiga prática encontrada na Bíblia

Jejum intermitente essa antiga disciplina que tem sido praticada na Bíblia traz outros benefícios à saúde que vão muito além do que podemos imaginar.

O jejum intermitente é a nova e quente maneira como as celebridades de Hollywood perdem peso. Mas essa antiga disciplina que tem sido praticada na Bíblia traz outros benefícios à saúde que vão muito além do tapete vermelho.

Muitos de nós sabemos da Bíblia que o jejum é bom para nossa saúde espiritual. Mas uma nova pesquisa mostra que também é bom para nossa saúde física.

Jejum intermitente significa passar longos períodos do dia sem comida. Muitas pessoas optam por jejuar até 18 horas por dia, o que significa que só comem dentro de uma janela de quatro a seis horas.

“O que é ótimo sobre o jejum intermitente é que você pode fazê-lo por algum tempo, ou na maior parte do tempo, e ainda pode colher grandes benefícios”, afirma o nutricionista Robin Foroutan.

Celebridades como Jennifer Lopez, Kourtney Kardashian, Selma Gomez, Beyoncé e Hugh Jackman supostamente usam jejum intermitente para perda de peso, mas pesquisadores da Universidade da Califórnia e de outros países dizem que os benefícios são mais do que a profundidade da pele.

“Há 10 anos de dados realmente interessantes, pesquisas muito convincentes sobre o jejum intermitente: prevenindo a aterosclerose, pode haver benefícios na prevenção do câncer”, disse Foroutan.

O jejum intermitente também protege contra a doença de Alzheimer, doenças cardíacas e até mesmo o envelhecimento, ao mesmo tempo que estimula o sistema imunológico.

O jejum desencadeia a liberação de células antigas e ineficientes, abrindo caminho para novas e saudáveis, dizem os médicos.

“Apesar de ainda recomendarmos uma dieta saudável e equilibrada, não estamos tão focados no que você come quanto quando você come”, explicou Foroutan.

Enquanto a escritura antiga nos diz o perdão, o desapego e o jejum abençoam a alma, a medicina moderna confirma que essas práticas também beneficiam o corpo.

Deixe a sua opinião!
VEJA TAMBÉM
Fim dos Tempos! Cientista faz os primeiros bebês geneticamente modificados

Assine nossa Revista Online Gratuitamente: 

Email:

Nenhum spam garantido