Mãe responde ao filho que quer processa-la por dar à luz sem seu consentimento

Ela diz que aceitará a culpa de que seu filho lhe acusa, se ele puder fornecer uma "explicação racional" sobre como ela poderia ter procurado seu consentimento para concebê-lo.

A mãe de um homem que quer processá-la e ao marido por trazê-lo ao mundo sem o seu consentimento diz que está preparada para assumir a culpa se ele puder explicar como eles poderiam ter buscado seu consentimento.

Raphael Samuel, um anti-natalista de Mumbai, revelou em uma entrevista ao The Print que estava considerando processar seus pais porque eles não pediram sua permissão antes de trazê-lo ao mundo.

Ele reclamou que os pais agem por egoísmo ao ter filhos e só pensam no prazer que isso trará para eles e não no “rigmorole” que seus filhos terão que passar na vida.

Em um post no Facebook atribuído a sua mãe, Kavita Karnad Samuel, ela escreve que aceitará sua culpa se ele puder fornecer uma “explicação racional” sobre como ela poderia ter procurado seu consentimento para concebê-lo.

Ela escreve: “Devo admirar a temeridade de meu filho de querer levar seus pais ao tribunal, sabendo que ambos somos advogados.

Se Raphael pudesse chegar a uma explicação racional de como poderíamos ter procurado seu consentimento para nascer, eu aceitarei minha culpa.

‘Estou muito feliz que meu filho tenha crescido em um jovem independente, destemido e independente. Ele certamente encontrará seu caminho para a felicidade.

Apesar da ameaça de ação legal, Raphael Samuel disse ao The Print que ele amava seus pais.

Eu amo meus pais e temos um ótimo relacionamento, mas eles me tiveram por sua alegria e prazer“, disse ele.

Minha vida tem sido incrível, mas não vejo por que devo colocar outra vida na rigamarola da escola e encontrar uma carreira, especialmente quando eles não pedem para existir.

VEJA TAMBÉM
Pastor evangélico decide ficar na Síria apesar do risco

Ele dirige uma página no Facebook dedicada ao anti-natalismo chamada Nihilanand, onde ele publica memes e imagens sugerindo que é cruel e até mesmo criminoso para os adultos trazerem crianças para o mundo.

Se os pais realmente sabem o que é bom para seus filhos … por que eles os têm?” diz uma imagem postada na página.

Outro meme argumenta que “forçar uma criança a este mundo e depois forçá-la a ter uma carreira” equivale a “sequestro e escravidão“.

Deixe a sua opinião!

Assine nossa Revista Online Gratuitamente: 

Email:

Nenhum spam garantido