Massacre: Mulheres e crianças cristãs são mortas em ataque da Al Qaeda

“Tudo o que podemos fazer agora é orar. A única coisa que sentimos é a tristeza. Por favor, ore por nós”, diz sobrevivente ao massacre de cristãos realizado pela Al Qaeda.

217

Rebeldes ligados a Al-Qaeda recentemente atacaram uma cidade cristã na Síria, disparando mísseis e matando pelo menos 10 pessoas.

O jornal Al-Masdar News informou que os rebeldes jihadistas lançaram o ataque na semana passada em resposta a um aumento em larga escala das tropas do exército sírio no noroeste da Síria. Os atentados mataram principalmente mulheres e crianças e feriram gravemente pelo menos 20 outros civis desarmados.

Segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, os mortos incluíam uma mãe, seus três filhos, sua avó, bem como duas outras irmãs e três outras pessoas.

“O massacre de civis cristãos inocentes, incluindo crianças, em Mhardeh é uma tragédia de grandes proporções”, escreveu Claire Evans, gerente regional da International Christian Concern, em seu site.

“A carnificina da guerra civil na Síria deixou os cristãos desproporcionalmente afetados, pois foram violentamente atacados por todos os lados e facções. Quando a guerra na Síria entra no que é esperado ser o conflito mais mortífero até agora, devemos manter os cristãos que estão presos na região em nossas orações.”

A Shaam News Network, de oposição, postou uma publicação leal ao regime imagens dos restos fragmentos de bombas. Shaam News Network relatou que esses tipos de mísseis são propriedade apenas das forças de Assad.

Os relatórios dizem que a cidade é um dos principais alvos de grupos como o Hay’at Tahrir Al-Sham e o Exército Livre da Síria (FSA), devido à sua proximidade com as cidades vizinhas cheias de jihadistas.

 “Tudo o que podemos fazer agora é orar”, disse um morador local ao jornal norueguês Dagen. “A única coisa que sentimos é a tristeza. Por favor, ore por nós.” “Tudo o que podemos fazer agora é orar. A única coisa que sentimos é a tristeza. Por favor, ore por nós”, diz sobrevivente ao massacre de cristãos realizado pela Al Qaeda.

Deixe a sua opinião!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here