Smartfones e outros dispositivos são sinais da proximidade do Anticristo, diz líder religioso

Líder da Igreja Ortodoxa alerta os usuários de Smartfones a terem cuidado com o seu uso, pois essa tecnologia esta demonstrando a aproximação do Anticristo

O Líder da Igreja Ortodoxa Russa diz que a capacidade de coleta de dados de dispositivos como os Smartfones arrisca trazer a humanidade para mais perto da chegada do Anticristo.

Em uma entrevista mostrada segunda-feira na TV estatal, o Patriarca Kirill disse que a igreja não se opõe ao progresso tecnológico, mas está preocupada que “alguém pode saber exatamente onde você está, saber exatamente o que você está interessado, saber exatamente do que você tem medo” e tal informação poderia ser usada para controle centralizado do mundo.

O controle de um ponto é um prenúncio da vinda do Anticristo, se falarmos sobre a visão cristã. O Anticristo é a pessoa que estará à frente da rede mundial de computadores que controla toda a raça humana ”, disse ele.

A declaração do líder religioso, foi bastante comentada nas redes sociais na Russia.

“A Igreja não é contra a ciência e o progresso tecnológico, mas está preocupada com a liberdade do indivíduo. Sim, claro“, brincou um usuário do Twitter.

“Sorria, o Anticristo está prestes a sair“, twittou outro, junto com a imagem de uma mulher tirando uma selfie com o Patriarca Kirill e outros representantes da igreja.

O patriarca Kirill é bastante próximo do presidente russo Vladimir Putin, que participa das grandes celebrações da Igreja e peregrinou ao Monte Athos e a outros famosos locais ortodoxos. Muitos sacerdotes ortodoxos russos se identificam com a agenda nacionalista do presidente Putin.

Em uma época em que as liberdades na internet estão cada vez mais restritas na Rússia – e as autoridades estão tentando criar uma internet russa independente – essa proximidade levou alguns a acusar o Patriarca Kirill de emprestar autoridade divina à política do governo.

VEJA TAMBÉM
Mulher faz anúncio procurando “companheira de quarto cristã” e sofre processo por violação de direitos civis

Eles proíbem a internet internacional na Rússia para que o Anticristo não saia disso“, observou um usuário de mídia social .

No sábado, a Igreja Ortodoxa da Ucrânia se separou da Igreja Russa após séculos de liderança russa , formalizando uma decisão anunciada em outubro.

O movimento provocou uma resposta furiosa em Moscou e aprofundou uma divisão na Igreja Ortodoxa mundial.

Deixe a sua opinião!

Assine nossa Revista Online Gratuitamente: 

Email:

Nenhum spam garantido