Você convidaria um pastor divorciado para realizar seu casamento? pergunta cantor gospel

Cantor gospel, Luiz Artur, pergunta aos seus seguidores nas redes sociais, se eles convidaram um pastor divorciado realizar o seu casamento. Veja o que as pessoas acham e deixe a sua opinião.

O cantor evangélico, Luiz Artur, que ficou conhecido no final dos anos 70 e início dos anos 80 pela canção ‘Drogas Matam’ que estourou em todo o Brasil, na última quarta-feira, 09/01, através de sua página no Facebook, gerou polêmica ao questionar através de um post, “Você convidaria um Pastor divorciado para oficializar sua cerimônia de casamento?“.

Indo na contramão, do mundo evangélico em geral, o cantor Luiz Artur, tem se mantido fiel a Palavra de Deus, não seguindo aos ‘modismos’ dos dias de hoje, onde pastores e cantores evangélicos tem trocado de cônjuge, com muita facilidade e continuam ministrando por onde passam.

Em seu post, Luiz lembra que o pastor divorciado, no passado prometeu no casamento ser fiel a esposa tanto na alegria quanto na tristeza, saúde ou doença, até que a morte os separe. “Afinal, ele um dia também não disse isso ao seu cônjuge anterior?”, questionou o cantor.

“Você convidaria um Pastor divorciado para oficializar sua cerimônia de casamento?
Como você se sentiria quando ele pedisse pra você e para sua noiva repetir: “PROMETO ESTAR CONTIGO NA ALEGRIA E NA TRISTEZA, NA SAÚDE E NA DOENÇA, NA RIQUEZA E NA POBREZA, AMANDO-TE, RESPEITANDO-TE E SENDO-TE FIEL EM TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA, ATÉ QUE A MORTE NOS SEPARE.”
Afinal, ele um dia também não disse isso ao seu cônjuge anterior?
Qual a sua opinião? COMENTE E COMPARTILHE.”
post do cantor Luiz Artur.

Até o fechamento de nossa matéria dezenas de pessoas deixaram sua opinião. Veja algumas que achamos interessante:

David Silva: Tem pastores que casaram muitas pessoas e estavam em adultério e ninguém sabia, ficaram sabendo bem depois. Creio que é Deus quem abençoa seu casamento e não o homem, pois todos somos falhos.Mas quero acrescentar que se o Pastor se divorciou por cometer adultério, então não o convidaria. O casamento deve ser honrado por todos, e o leito conjugal mantido puro, pois Deus julgará o adúltero e todos os sexualmente imorais. (Hebreus 13: 4)

Moacir Dos Santos: Eu não convidaria

Luiz Augusto: O que tem de pastores e cantores gospel separados é uma grandeza,e o que tem de pastores que no churrasco bebem bebidas alcoólicas tem aos montes….Outro dia um falou assim: Os beberrões,os mentirosos não herdarão o reino dos céus,mais pegaram ele no churrasco enchendo a cara é mole!

Lazaro Mariano Sobrinho: Perderam a moral tem que ficar o resto da vida no banco não tem mais como serem ministro do evangelho que o condena a não ser que volte com a esposa oficial

Jeova Monteiro Araujo: Meu caro irmão Luiz Artur, agora você pegou “pesado,” mas está corretíssimo, as igrejas mudaram muito, no meu tempo de conversão, nem casamento misto acontecia, os Pastores não oficializavam o casamento. Atualmente, não vou citar nomes, o que há de pastores divorciados é brincadeira, sem contar os filhos (as) de pastores na mesma situação. Deus não aceita, em Malaquias está escrito que Deus abomina o divorcio, não há espaço para divorcio entre os cristãos autênticos, seja qual caso for, o homem ou a mulher só estarão livres para um novo matrimônio, com o atestado de óbito nas mãos e fim de papo. Aprendi assim!!!!!!!!

Marilda Luiza: Eu não convidaria Pastor divorciado, pra mim perdeu à minha confiança!!!!!

PrCléber Coutrim: Eu não convidativa e não concordo que pastor ou mesmo obreiros que divorcia não pode nem pregar o evangelho falando sobre família qual seria o seu testemunho de família porque o casamento e um só se fala que é na pobreza na riqueza na doença nas lutas e até que a morte o separem então na tem que se divorciar passa o que passar e minha opinião e minha visão bíblica cada um intérprete a palavra de Deus do seu jeito só que tem que analisa se você está na visão de Deus cuidado para que sua visão não te leve para o inferno.

Paulo Crispim: Eu acredito, que temos que analisar qual foi a modalidade da separação e por qual parte ocorreu o erro.

Sidney Wellington: Tem um famoso ai que casou três vezes, ta de brincadeira.kkk

Francisco Fraterno: Pastor ou hipócrita?? Como?se não ta vivendo o que prega??

Heber Antonio: Perguntas capciosas existem diversas formas de divórcio Tem situações se o divórcio não foi causado pelo pastor divorciado às vezes ele queria viver junto com a sua esposa mas ela o traiu e a Bíblia deu direito a ele casar de novo

Respondendo um dos comentários, Luiz Artur foi além dizendo: “em caso de adultério, tanto da parte do homem quanto da parte da mulher, se são convertidos de verdade, deverá haver o arrependimento, a confissão e o pedido de perdão, perdoados, devem seguir com a vida conjugal, lembrando que o sangue de Jesus nos purifica de todo o pecado, perdoar significa esquecer, é possível sim e devem reconstruir a família. Um homem, ou uma mulher verdadeiramente perdoados, são curados por Jesus e a vida deve seguir seu curso natural, os filhos merecem esse exemplo de perdão. Cristianismo isso.”

“os que são casados no Senhor devem ficar juntos até que a morte os separe… O casamento do ponto de vista de Deus é INDISSOLÚVEL.”, opinou o cantor evangélico.

VEJA TAMBÉM
Anel da pureza exalta virgindade e vira moda

Qual é a sua opinião sobre esse assunto? Você convidaria um pastor divorciado para realizar o seu casamento? Deixe a sua opinião abaixo e compartilhe nas redes sociais.

Deixe a sua opinião!

Assine nossa Revista Online Gratuitamente: 

Email:

Nenhum spam garantido